Escolhas e consequências


Na vida fazemos várias escolhas, algumas fáceis outras nem tanto...sem falar naqueles momentos em que a dúvida surge e ficamos com o dilema: o que ou quem escolher. Mas a escolha tem que ser feita e por nós.

Mais do que simplesmente fazer escolhas, temos que assumir as consenquências que essas escolhas trazem e isso muitas vezes não é fácil.

Você pode desejar muito uma coisa e escolher por ela e isso com certeza será e é um enorme prazer, mas terá e tem suas consequenências.

O que a gente não pode deixar é se levar por escolhas alheias e nem deixar ninguém escolher por nós, porque as consequências serão nossas.

A maturidade faz com que pensemos melhor nas nossas escolhas e em outros momentos nem pensar tanto assim...isso é muito bom, mas é o tempo responsável por isso.

Uma escolha sempre leva a outra.

Minha primeira escolha foi em ser mãe e assumir uma família. Noites em claro, birra, choro foram algumas das consequências não muito agradáveis dessa escolha, mas...o sorriso, o carinho, a oportunidade de ver o crescimento e desenvolvimento de um ser humano que faz parte de você e que depende de você pra ser melhor é maravilhoso. Vale a pena tudo.

Hoje sou feliz com as minhas escolhas e assumo todas as consequências que elas podem trazer. Faz parte.

5 comentários:

carol sakurá 2 de outubro de 2009 20:51  

Oi Clítia!
Lindo e inspirador o seu texto!
As vezes fazemos escolhas que ao olharmos para trás omente nos inspiram a prosseguir.
Um dia,se Deus quiser eu serei mãe se serei plenamente feliz!
Beijos!

Maldita Futebol Clube 8 de outubro de 2009 13:31  

Clítia, sempre inspirador estar aqui e ver a sua forma ágil e sábia de lidar com as palvras: sensibilidade a flor da pele. linda!

Carlão Azul 21 de outubro de 2009 16:42  

Nós somos o produto de nossas escolhas.
Também não me arrependi até hoje de minhas escolhas, graças a Deus.

Sempre que tenho que decidir algo procuro ouvir muitas opiniões. Algumas pessoas acham (já até me criticaram) que isso é fraqueza, mas pelo contrário, não tem nada melhor que colocar os outros pra pensar pra gente, e as pessoas tem muito boa vontade com isso. Assim podemos num curto espaço de tempo ter vários ângulos do problema analisados e podemos tomar a melhor decisão.

Bjão Clítia.

Anônimo,  22 de dezembro de 2009 03:30  

agenda aggregated pasas gimmick measuring ukrainian lafonk favourite dieu exclusively ragnar
semelokertes marchimundui

Anônimo,  27 de julho de 2011 11:14  

fácil, no plural fica = fáseis e ñ faceis.
Igual feliZ no plural= feliCidade

Postar um comentário